> > >

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

SEPARADOS - NÃO "PARA", MAS SIM "DE" CRISTO


Tomas Crammer - 24/09/2013 16:31 - refutou atrasado ,não viu o que ja refutei sobre sua satanica religião do inferno nos tópicos passados!!!!não vou perder tempo,,,de uma olhada vc mesmo no que ja postei sobre todos estes comentários que vem direto do inferno para a sua vida e com isto tenta contaminar esta comu,,,mas fazer o que tem coisas que só p Espirito do Senhor dicerne ,,,e este vc não tem,,,,como eu sei??????não vá querer que eu responda vai????mais um que vai passar vergonha!!!!sua religião é puramente arquitetada no inferno e suas leis não são de prestimos algum para quem ama Jesus em Espirito e verdade,vc é cumplice de satanas ,só mente!!!


Coitado! Eis aqui um homem buscando subterfúgio para contradizer o irretorquível, alegando "... já refutei...". Se é que lhe agrada, pode crer: muitos fracos na fé acreditarão em suas maxambetas, pois há gente que acredita em tudo! Porém o que lhe agrada agora reverter-se-á em condenação quando um severo e justo juiz o fará participar da sorte dos réprobos juntando-o aos bodes colocados à sua esquerda: "Apartai-vos de mim, malditos! Ide para o fogo eterno destinado ao demônio e aos seus anjos" (Mt 25, 41).

Além de se tornar uma pedra de tropeço para os fracos na fé e conduzi-los à condenação, ainda será responsabilizado pessoalmente por virar as costas à única e legítima Igreja instituída por Cristo para seguir falsos profetas e falsos pastores que se dizem ser enviados, mas que não portam nenhum tipo de mandato  (At 15,24). Eles, por si mesmos, se auto escolheram e se auto enviaram, porém, não podem exibir nenhum dos sinais distintivos dos que foram legitimamente enviados:  

 "Os discípulos partiram e pregaram por toda parte. O Senhor cooperava com eles e confirmava a sua palavra com os milagres que a acompanhavam" (Mc 16,20).

Estes sinais existem em abundância no Santa Igreja Católica e tão verdadeiros que podem ser científica e meticulosamente examinados por peritos sem dar chance que estes possam identificar as causas naturais que os poderiam ter produzido. 

Há anos que venho desafiando os evangélicos para que mostrem pelo menos um relato da existência de um único e modesto "milagre" acontecido em seus meios e que tenha sido examinado rigorosamente, da mesma forma que procede a Igreja Católica. 

Nunca, para sua decepção, mostraram nada e, sei, jamais mostrarão! Aliás, até poderão mostrar, não porque seja algo proveniente de Deus, mas, em virtude de a ciência se encontrar em constante evolução, existe a raríssima e longínqua possibilidade de engano!

DEUS NÃO OPERA MILAGRES EM MEIOS HERETICAMENTE INFECTADOS PARA QUE NÃO ACONTEÇA QUE SEUS LÍDERES. NELES ESCORADOS, TENTEM "PROVAR" QUE SEUS ERROS SÃO VERDADES.

Ah! Continuando sobre o "virar as costas à única e legítima Igreja de Cristo":

"... se recusar ouvir também a Igreja, seja ele para ti como um pagão e um publicano" (Mt 18,17). A Igreja é o corpo de Cristo e dele recebe toda a plenitude da graça  (Ef 1,22-23). Ninguém poderá salvar-se se nela não estiver inserido, pois ao separar-se do corpo, já está separado também de Cristo. 

Não e não, sr. Crammer. Você pertence à classe dos separados, não "para" e sim "de" Cristo, e isto aconteceu quando bandeou-se para a rebelião religiosa começada no século XVI, esta sim, plenamente inspirada por Satanás. Seu próprio fundador confessa ao afirmar que "O diabo dormiu ao meu lado, em minha cama, mais vezes do que minha mulher." (em Wartburg - [Funck-Brentano, Martim Lutero, Casa Editora Vecchi, 1956, 2a. ed.]). Ver:

Veja só, Crammer, a ousadia diabólica de Lutero, seu pai e mestre: “Cristo não tomou sobre si só uma condição humana geral, mas submeteu-se ao diabo e concorda com o diabo de alguma forma. Ele não assumiu só as culpas, como afirma a fé católica, mas também a disposição ao pecado.” (Beer): 30 Giorni Ano VII, fev. 1992, pág.55, entrevista “Lutero? Delírio Maniqueísta”). 

Agora ficam claras as frases blasfemas de Lutero contra Cristo: na cristologia luterana Nosso Senhor de fato tinha de pecar; para que Cristo pagasse o pecado deveria cometer todos os pecados! 


Eis a reforma que dizia reconduzir a 
Igreja à pureza primitiva! 

KKKKKKKKKKKKKK! 

Dado que, para Lutero, Cristo é uma dualidade, ele não pode ser a terceira pessoa da Santíssima Trindade, que encarnando tornou-se uma só pessoa: “Cristo não pode ser “pessoa”, deve ser um “compositum”, pois nele devem coexistir a divindade e a maldição, ou seja, a diabolicidade.” (Beer: 55). 

“Para Lutero (…) Deus é mau em si, é preciso atribuir a diabolicidade a Deus. São Paulo escreveu que em Jesus Cristo “habita a plenitude da divindade”, e Lutero comentou: “é bom que tenhamos um homem assim, porque Deus é em si mesmo mau e cruel.” (Beer: 59).

Isto sim, sr. Crammer é satânico!

Diante do exposto, você tem o topete de dizer que a Igreja Católica foi "arquitetada no inferno" e que sou "cúmplice de Satanás"? Está aqui provado que é bem o contrário! Você apenas falou, mas eu provei com documentos.

POSTAGEM SEGUINTE - “O demônio sempre procurou privar o mundo da Missa, por meio dos hereges..."



POSTAGEM ANTERIOR - A variante de uma bactéria que pode levar à morte estaria se espalhando rapidamente entre a comunidade gay das cidades de São Francisco e Boston...


2 comentários:

Lika disse...

veja isso: http://www.pr.gonet.biz/index-read.php?num=2919

OSWALDO DE PAULA GARCIA disse...

Mais importante que a denúncia seria a conversão do denunciante de que infelizmente nada fala ano artigo apontado.